Andou abusando dos tratamentos químicos ou da coloração? Deixou de lado alguns cuidados com os fios e agora está tendo que lidar com as pontas duplas? Não tem problema! Aderindo a um cronograma capilar, você consegue salvar o cabelo em um mês! Parece pouco? Esse é o tempo que os fios precisam para se reconstruir, isso se você seguir direitinho as etapas da agenda.

O cronograma capilar é indicado para todos os tipos de cabelo, afinal, mesmo quem não investe em chapinha, secador ou descoloração global também enfrenta as adversidades do dia a dia no que diz respeito ao clima, à poluição e à exposição ao sol. E esses fatores agridem os fios mais do que você imagina, fazendo com que eles fiquem fracos e muito mais propensos à quebra e também opacos, sem vida, com aquele aspecto espigado e mal cuidado.

Agora, vamos ao que interessa: aprender a salvar o cabelo em apenas um mês! Confira agora as três etapas que compõem o cronograma capilar e que vão dar o help que seus fios precisam.

Cronograma capilar: o segredo para salvar o cabelo em apenas um mês

O cronograma capilar nada mais é que uma agenda de cuidados, dividida em 3 etapas que visam repor a hidratação, os lipídios e as proteínas necessárias para os fios. Ah! Um dica: siga exatamente a ordem das etapas, esse cuidado faz toda a diferença, pois as etapas do cronograma capilar funcionam em conjunto, uma preparando o fio para a chegada da próxima.

1. Hidratação

A hidratação capilar será o passo que mais vai se repetir na sua agenda: ela é imprescindível para fortalecer os fios, repondo a umidade natural perdida no dia a dia e, como não sobrecarrega os fios, deve ser feita, pelo menos, uma vez por semana. Quando desidratado, o cabelo mantém suas cutículas abertas (por isso o visual opaco e sem vida), o que deixa o fio muito mais propenso à outras agressões.

A falta de água no centro do fio faz com que ele a procure em outras fontes, por exemplo, no ar. Exatamente isso que você está pensando: o frizz nada mais é que os fios de cabelo buscando no ar a umidade natural perdida e não reposta. Pra você ter uma ideia, um cabelo bem hidratado apresenta 60% menos volume, justamente por fazer com que os fios “pesem” e não sintam necessidade de arrepiar.

A hidratação é simples de fazer e o melhor: com produtos bem comuns e que você pode até ter em casa. Neste artigo você confere como fazer e o passo a passo para aplicação de uma máscara de hidratação. Vale a pena conferir!

2. Nutrição

Nessa segunda etapa, o foco é nos lipídios e óleos naturais do cabelo. Eles vão servir para manter a umidade reposta pela hidratação no centro do fio. A fase da nutrição é onde você irá repor a película natural que protege o cabelo.

Essa etapa não se repete tanto quanto a hidratação, mas é essencial porque faz com que as outras funcionem bem, retendo a água da hidratação e também fortalecendo os fios para a reposição da queratina, foco da terceira etapa.

3. Reconstrução

Você já deve ter ouvido falar da queratina, certo? Essa proteína constitui a chamada massa capilar, que fica presente na parte mais profunda do fio, o córtex. A queratina é quem dá força, elasticidade e maleabilidade aos fios e pode ser perdida com mais facilidade em cabelos que estão com desprotegidos, com cutículas abertas (viu só como a hidratação também tem influência direta última etapa?).

A etapa da reconstrução, porém, exige alguns cuidados: embora recomendada para tratar cabelos altamente danificados, ela só deve ser feita quando o fio tiver força para recebê-la. Aplicar em cabelos muito fragilizados pode fazer com que eles sofram um “choque” de proteína, dando o resultado completamente oposto ao desejado: cabelos duros, pontas espigadas e muito fáceis de quebrar.

Como distribuir as etapas do seu cronograma capilar

A ordem das etapas você já sabe, mas e agora: como fica a agenda? A resposta está nos seus fios! São eles que vão dizer qual etapa deve ser mais reforçada e que supre melhor as necessidades do cabelo. As etapas devem ser realizadas com intervalos de 48h para que o cabelo consiga absorver os nutrientes de cada uma.

Nos primeiros 15 você irá observar qual etapa melhor atende ao seu fio, aquela que ele responder melhor é a que deve ser reforçada na última quinzena. Você pode até seguir uma agenda padronizada, mas ninguém melhor que você para conhecer seu cabelo e ser certeira no tratamento!

Os benefícios do cronograma você já vai perceber logo na primeira etapa, mas com o passar dos dias, vai perceber cabelos mais brilhosos, maleáveis, fortes e com um aspecto sedoso lindo. Ah! Para as cacheadas, ele vai ajudar ainda mais, inclusive deixando os cachos mais definidos.

E já que a hidratação vai ser a sua maior arma para salvar o cabelo, inclusive no cronograma capilar, conheça uma forma de otimizar o seu tempo e deixar os fios incríveis: a hidratação em 1 minuto!

 

salvar o cabelo