Óleo de coco para cabelo: veja como incluir esse ativo na sua rotina capilar

Categorias Nutrição Capilar, Tendência0 comentário
óleo de coco para cabelo

De uns tempos para cá, o óleo de coco tem se tornado o queridinho de quem busca uma alimentação mais saudável, emagrecer e ficar com a pele e cabelos mais bonitos. Os benefícios dessa fruta tão brasileira são muitos! E não é para menos: rico em vitaminas, proteínas e lipídios, o óleo de coco para cabelo pode proporcionar milagres pelo seu visual.

E claro que o assunto não poderia ser outro: cabelos! O uso do óleo de coco para cabelo tem crescido e conquistado adeptas pelos resultados incríveis que proporciona aos fios — além de ter um cheirinho delicioso!

Baratinho e fácil de encontrar, o óleo de coco tem diversas formas de aplicação que podem ser inseridas no seu dia a dia. Quer saber mais sobre o assunto? Então, continue lendo este artigo que nós te contamos tudo!

As indicações do óleo de coco para cabelo

O óleo de coco é rico em vitaminas K, E, ferro, proteínas e lipídios, ou seja, tem tudo aquilo que nosso cabelo precisa para se manter saudável, uma vez que, diariamente ele sofre agressões que causam a perda desses nutrientes.

Cabelos lisos, ondulados e cacheados são os que melhor irão aproveitar os benefícios do óleo de coco. Já os cabelos crespos devem dar preferência a outros óleos e a gente explica o porquê: eles são naturalmente mais frágeis e secos, apresentando menos massa capilar, composta pela queratina, por não receberem a oleosidade natural produzida pelo couro cabeludo. Nos cabelos mais lisos, essa oleosidade “escorrega” pelos fios, protegendo-os. Já nos crespos, por ter menos queratina, o óleo de coco pode causar um resultado bem desagradável: o efeito rebote. A aplicação súbita de proteína em cabelos muito danificados pode endurecer os fios, aumentar a incidência de pontas duplas e até mesmo levar à quebra do fio.

Os diferentes graus de curvatura dos cabelos cacheados e crespos

Para descobrir se o seu cabelo está “apto” a receber o óleo de coco, identifique o grau de curvatura:

2ABC: Cabelos ondulados

  • 2A: raiz mais lisa, não chega a formar cachos. É superfácil de modelar e apresenta pouco volume;
  • 2B: ainda não apresenta cachos, mas tem ondas mais marcadas;
  • 2C: já forma cachos e é mais volumoso, porém mantém a característica de raiz lisa típica da curvatura A.

3ABC: Encaracolados e cacheados

  • 3A: cachos mais definidos e pesados;
  • 3B: os cachos são volumosos e podem ter definição ou não;
  • 3C: esse é o tipo que limita o cabelo cacheado do crespo. O fio é mais grosso e os cachos são mais fechadinhos.

4ABC: Cabelos crespos

  • 4A: também conhecidos como cabelo Afro, apresenta fios mais grossos, formando cachos fechados e estreitos;
  • 4B: apresenta cachos no formato de “Z”;
  • 4C: os cachinhos são tão estreitos que quase passam despercebidos. Esse é o tipo mais crespo de cabelo.

Os benefícios do óleo de coco para cabelos

Se o seu cabelo é liso ou apresenta curvatura até o grau 3C, temos ótimas notícias: seu cabelo vai ficar lindo depois de receber o óleo de coco! Quer ver só? Conheça alguns dos benefícios para as suas madeixas:

Hidrata de verdade

A maioria dos óleos fica apenas na parte externa do fio, criando uma capa protetora. O óleo de coco vai além: ele penetra no fio e repõe muito do que o seu cabelo perde em vitaminas e nutrientes. O resultado? Um cabelo hidratado de verdade, não apenas com um aspecto saudável.

É bloqueador solar

Quem utiliza o óleo de coco como finalizador — logo iremos contar como fazer o processo de finalização! — obtém uma outra vantagem que poucas conhecem a respeito do produto: ele protege o cabelo dos danos solares e substitui os protetores padrão.

Sela as cutículas

Uma das grandes dúvidas a respeito do óleo de coco para cabelos é se ele alisa os fios. Isso não é verdade! O que acontece é que o óleo tem o poder de selar as escamas que compõem o fio, proporcionando um aspecto mais alinhado e com menos frizz e volume.

4 formas de utilizar o óleo de coco para cabelo

Além dos benefícios para os fios, o óleo de coco ainda tem uma outra vantagem: a versatilidade! Agora, vamos mostrar três maneiras diferentes de utilizar esse ativo para um resultado de salão!

Finalizador

O uso do óleo de coco para cabelo como finalizador não tem segredo algum! Quer dizer, o truque está na quantidade: muito óleo vai deixar seu cabelo superpesado e com aspecto oleoso. 

Por isso, aplique uma pequena quantidade, o equivalente ao tamanho de uma moeda de 1 real, na palma da mão e friccione as mãos uma na outra para aquecer o óleo e espalhar bem, deixando apenas uma fina camada. Depois, basta aplicar nos cabelos, secos ou úmidos.

Umectação

A umectação é o processo de repor lipídios e proteína dos cabelos com óleos naturais. Para realizá-la, aplique o óleo de coco com os cabelos secos (não precisam estar limpos) mecha por mecha. Deixe agir por cerca de 1h (o tempo de espera pode ser de até 6h), depois é só enxaguar bem. Se quiser deixar o tempo máximo, faça isso à noite e enxágue pela manhã!

Super-hidratação

Está querendo uma hidratação ainda mais poderosa? Então, esta dica é para você! Se você já usa máscaras de tratamento no cabelo, o óleo de coco vai ajudar a potencializar os resultados. Basta adicionar algumas gotinhas no creme de hidratação escolhido, aplicar e esperar o tempo indicado na embalagem. Enxágue apenas com água ou aplique um condicionador hidratante após, a escolha é sua!

Pré-lavagem

As pontas merecem destaque para se manterem seladas, até porque, especialmente em cabelos cacheados, elas são as que mais sofrem com o ressecamento. Para dar um cuidado extra à elas, aplique o óleo de coco apenas nessa parte e deixe agir por 15 minutos, depois, lave normalmente.

Viu só como o óleo de coco faz jus à fama? Versátil, cheiroso e cheio de benefícios, ele é uma ótima pedida para quem quer manter os fios saudáveis, brilhosos e com aquele movimento lindo que só um cabelo bem cuidado tem!

óleo de coco para cabelo

Artigos Relacionados

Cabelos danificados no verão? Confira 5 dicas para... Seja você lisa, cacheada, ondulada ou crespa, a combinação de praia, piscina e sol é a grande causadora dos cabelos danificados durante o verão.  Sina...
Realinhamento Capilar: tudo sobre esse método de a... Escova progressiva, escova de chocolate, escova de açúcar, escova marroquina e agora, realinhamento capilar. Com certeza você já se deparou com algum ...
Nutrição Capilar: saiba tudo sobre essa etapa do c... Recomendada para todos os tipos de cabelo e responsável por um visual impecável, a nutrição capilar é fácil, fácil de fazer em casa! Embora há quem di...
Óleo de Argan: 7 mitos e verdades sobre o “O... O óleo de argan tem fama de ser um ativo poderoso para os cuidados com os cabelos frágeis, quebradiços e opacos. Produto de muito sucesso entre quem p...
Compartilhe com seus amigos
  • 77
    Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *