Corte bordado é o fim das pontas duplas? Saiba quem pode fazer e quais são os benefícios

Corte bordado é o fim das pontas duplas? Saiba quem pode fazer e quais são os benefícios

Aparar as pontinhas é importante para a saúde dos cabelos. É assim que podemos eliminar as indesejadas pontas duplas que danificam nossas madeixas e dão a impressão de atrapalhar no crescimento. Aquelas que desejam cortar os cabelos sem tirar o comprimento podem recorrer ao corte bordado. Essa técnica tem se tornado cada vez mais popular, e a promessa é de fios bonitos e saudáveis, sem pontas ressecadas. Sua principal vantagem está no fato de poder ser feito em qualquer tipo de cabelo, mantendo o comprimento desejado.

Com o corte bordado, você não precisa tirar o comprimento dos fios!

O que é corte bordado?

O corte bordado tem como objetivo cortar as pontas duplas e secas de forma pontual, sem interferir no tamanho das madeixas. Esse corte elimina os fios mais arrepiados e as pontas duplas fragilizadas. Embora pareça ser uma técnica complicada, ele consiste apenas em retirar, com o auxílio da tesoura ou de uma máquina específica para esse fim, as pontas danificadas. Esse corte é indicado para quem sente que as madeixas estão ressecadas ou danificadas, seja pela exposição prolongada ao sol ou pela ação de procedimentos químicos como a descoloração e alisamentos. As pontas duplas serão retiradas de todo o comprimento do cabelo, não somente aquelas do final do fio. Dessa forma, é possível corrigir o aspecto ressecado ao eliminar seu principal causador.

Aparelho para corte bordado – @tara.spa

Corte bordado funciona?

Uma técnica que promete retirar todas as pontas duplas pode parecer um sonho ou uma utopia, mas ela existe. O corte bordado é altamente eficiente para quem deseja recuperar a saúde e vitalidade dos fios. No entanto, é importante manter os cuidados capilares após a realização do corte, o que ajuda a evitar a formação de novas pontas duplas. Use produtos adequados para o seu tipo de cabelo e dê preferência para aqueles que agem nas pontas. O reparador de pontas é uma excelente forma de evitar que essa parte do fio se danifique, já que esse produto conta com ativos que promovem a redução do frizz e devolução do brilho e maciez aos cabelos.

Antes e depois do corte bordado – @novo_estilo01

Corte bordado estraga o cabelo?

O corte bordado não tem nenhum tipo de contraindicação e só traz benefícios para nossos cabelos. Isso ocorre porque ele irá tirar apenas os fios mais arrepiados e as pontas fragilizadas, que contribuem para prejudicar a saúde dos fios de cabelo. O único ponto negativo em relação a esse tipo de corte é que ele pode ser um pouco mais demorado, já que exige uma análise profunda dos fios a fim de identificar todas as pontas ressecadas. Por isso, é importante fazer esse corte apenas com profissionais especializados. Nada de tentar cortar o próprio cabelo em casa, porque sabemos que os resultados podem ser desastrosos, não é mesmo?

Nem sempre cortar o próprio cabelo é uma boa ideia, não é mesmo?

Como acabar com as pontas duplas fazendo o corte bordado?

Após recorrer ao corte bordado para eliminar as pontas duplas e ressecadas, adicione em seus cuidados capilares produtos específicos para a saúde das pontinhas. Uma boa opção são os reparadores de ponta e os óleos capilares, que servem para selar a cutícula e evitar a formação dessas indesejadas pontas. Além disso, dê atenção especial para os cuidados dos cabelos. Quando nossas madeixas estão hidratadas e saudáveis, é mais incomum que se formem frizz e pontas duplas, já que essas ocorrem devido ao rompimento da cutícula capilar.

Cabelos altamente danificados podem contar também com procedimentos como a selagem capilar. Consulte um cabeleireiro para analisar quais são as necessidades da sua fibra capilar e use os produtos certinhos. Se dermos um pouco de atenção diariamente às nossas madeixas, elas ficarão lindas e saudáveis por muito mais tempo.

Como fazer corte bordado?

O corte bordado deve ser feito por um profissional especializado, no salão de beleza. Ao separar o cabelo em mechas e pentear cada uma, o cabeleireiro consegue identificar as partes ressecadas, tornando mais fácil cortá-las. Ele pode utilizar a tesoura ou uma máquina no formato da chapinha que, quando passada no cabelo, retira as pontas duplas.

Alguns salões também fazem o corte bordado com o auxílio de uma vela que serve para queimar os fios ressecados, que ficam sobressalentes. No entanto, é preciso tomar cuidado especial com essa técnica, já que ela pode prejudicar os fios e até mesmo queimá-los. O ideal é mesmo recorrer ao corte bordado com o auxílio da tesoura, que é eficiente e apresenta menos riscos para a fibra capilar. Esse corte pode ser feito em todos os tipos de cabelo e exige uma manutenção um pouco mais frequente, especialmente em casos nos quais os cuidados pós-corte não são tão intensos.

O corte bordado pode ser um grande aliado da saúde capilar, eliminando as pontas mais danificadas e devolvendo leveza e movimento aos cabelos. Esse corte deve ser feito no salão, por um profissional especializado, e sua manutenção ocorre a cada três meses. Para prolongar o efeito, vale apostar em produtos como reparadores de pontas ou o óleo de coco.

Avatar

Carol Candido

Paulistana vivendo em Lisboa. Tradutora de formação e redatora por paixão. Vivi em uma relação de amor e ódio com seus cabelos durante anos até descobrir a forma certa de cuidar deles. Agora tudo é só amor. Acredito que compartilhar dicas é a melhor forma de aprender.

Deixe seu comentário

Olá! Seja bem vindo(a)!Que tal ficar por dentro das novidades do universo de cabelos?

MISTO, OLEOSO, SECO OU NORMAL?

Faça o QUIZ e descubra o seu tipo de cabelo!

Descubra